THE TEA HORSE TRAIL

Depois de um dia cheio de aventuras com os pandas e muitas horas de voo, chegamos a Yunnan, uma região remota da China.

Nosso primeiro destino foi Shangri-La, que só pelo nome desperta emoções incríveis. Parece outro país!

É ermo, está a 3600 metros de altitude e faz parte do platô tibetano. Na verdade, as pessoas ali não se consideram chinesas e sim pertencentes ao Tibete. Nosso hotel é incrível, com pequenos chalés quentes e confortáveis.

Shangri-La China
Shangri-La

Andamos por aqui durante três dias. Pintamos bandeiras típicas de oração e depois caminhamos até o alto da montanha, onde penduramos nossas preces para que o vento se encarregue de propagá-las. Conhecemos monastérios e pequenos vilarejos e quando a hora chegou, nos mudamos de ônibus para Benzilan, outra cidadezinha menor ainda, a 3 horas de distância. Por ali, passava a Tea Horse Trail, onde chineses e tibetanos trocavam chá vindo da China para o Tibete por cavalos do Tibete para a China.

Caminhamos com dificuldade por trilhas perigosas e pedregosas, tentando sentir um pouco como era a vida daquele povo naquela época.

Na trilha do The Tea Horse Trail China Viagens Dani Tranchesi
Na trilha

Cada passo é uma aventura, porque andar a 3000 metros de altitude já não é para qualquer um, ainda mais com despenhadeiros de deixar a gente de cabelos em pé. Eu, como sempre, sigo rezando!

Visitando monastérios monges Shangri-La China
Visitando monastérios

Visitamos mais monastérios e mais vilarejos, experimentamos todas as comidas típicas e o famoso leite de Yak, um tipo de vaca local com um leite forte e que deve ter salvado muita gente por aqui durante invernos rigorosos.

Em Benzilan, nosso hotelzinho tinha só 10 quartos. Era inacreditável existir aquele hotel naquele lugar, no meio do nada. Até agora me pergunto quem criou aquilo. Uma experiência fantástica em uma China muito diferente.

Amanhã voaremos para Shanghai, de volta ao país cosmopolita. Até lá!

1 comentário

Deixe uma Resposta

Seu email não será publicado.

Você pode usar esses HTML tags e artibutos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>